Feira do Circuito das Malhas compensa as emissões de gases poluentes

A maior feira de moda outono e inverno do Brasil, a Feira do Circuito das Malhas, plantará 59 árvores para compensar as emissões de gases de efeito estufa geradas direta e indiretamente pelo evento. O plantio será feito via Programa Carbon Free, desenvolvido pela Iniciativa Verde, que tem como objetivo compensar as emissões de qualquer atividade humana por meio do reflorestamento de árvores nativas de Mata Atlântica. Em troca, a Feira do Circuito das Malhas recebe o selo Carbon Free reconhecido internacionalmente que atesta sua preocupação com o meio ambiente.

Para a realização do evento, as emissões de dióxido de carbono equivalente (CO2e), uma medida métrica utilizada para comparar as emissões de vários gases de efeito estufa baseado no potencial de aquecimento global de cada um, foram de 9,27 toneladas. Comparando, um quilômetro percorrido em um carro popular a gasolina emite, aproximadamente, 150 gramas de CO2. A diferença entre as duas emissões é que as do evento serão compensadas com o plantio das árvores em área de preservação permanente.

Essa ação da Feira do Circuito das Malhas, além de evitar o aquecimento global, contribuirá para a preservação da biodiversidade nativa brasileira, do solo e da água. Todos esses recursos naturais serão diretamente beneficiados pela ação. O plantio poderá ser acompanhado no site da Iniciativa Verde a partir do último trimestre do ano, visto que as áreas de Mata Atlântica são restauradas no período de chuva do verão, ideal para o crescimento e fortalecimento das mudas. Enquanto isso, os visitantes da feira edição outono e inverno poderão circular tranquilos entre os estandes: sua visita é bem-vinda ao meio ambiente.

Sobre o Selo Carbon Free

O Selo Carbon Free atesta que determinada atividade teve suas emissões de gases de efeito estufa inventariadas (utilizando a metodologia GHG Protocol) e compensadas por meio de restauro florestal de Mata Atlântica. A metodologia do programa excede as exigências da Resolução 30, de 14 de maio de 2009 da Secretaria do Meio Ambiente do Estado de São Paulo, que estabelece orientação para projetos voluntários de reflorestamento para compensação de emissões de gases de efeito estufa (GEE).

Empresas, produtos ou eventos que aderem ao programa recebem o selo que pode ser utilizado em sua comunicação e publicidade, bem como, um certificado com o número de árvores que foram plantadas e a quantidade de gases de efeito estufa compensadas.

Sobre a Iniciativa Verde

A Iniciativa Verde é uma Organização da Sociedade Civil de Interesse Público (OSCIP) que tem como missão contribuir para a construção de um novo tempo baseado em uma economia de baixo carbono e na redução dos impactos ambientais causados pelas atividades humanas.

A instituição acredita na busca por novas alternativas de desenvolvimento e oferece uma gama de projetos relacionados ao combate às mudanças climáticas, recuperação ambiental, conservação da biodiversidade e restauro florestal.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: